O tradicional e mais conhecido trajeto na Alemanha tem cerca de 400 km com 28 aldeias que proporcionam um cenário rico em história, arte e cultura, junto à natureza exuberante. O itinerário inicia em Würzburg, próximo a Frankfurt, e pode ser feito de ônibus, carro ou moto, seguindo as placas marrons que sinalizam a rota ao longo de diferentes estradas secundárias, evitando as autoestradas. Terminando em Füssen, pode-se também cumprir o percurso de bicicleta por uma ciclovia sinalizada por placas verdes ou também a pé, em trilhas orientadas por tabuletas azuis. Vale à pena dispor de alguns dias para percorrer o maior número possível de vilarejos. Para ajudar você a programar sua viagem, destacamos 9 cidades que merecem a visita:


1. Würzburg

por ECV (CC BY NC)

Uma das mais belas cidades barrocas da Alemanha, Würzbug é rodeada de vinhedos e possui uma atmosfera vibrante, com numerosos museus, tabernas e teatros. A cidade proporciona festivais que atraem centenas de visitantes, assim como as muito apreciadas rotas para ciclistas.


2. Bad Mergentheim

por Magnus Hagdorn (CC BY SA)

Perfeita para descanso, é uma cidade spa que combina arte e cultura num cenário elegante. Seu centro histórico, com prédios renascentistas muito bem conservados, possui agradáveis cafés. 


3. Rothenburg ob der Tauber

por chrisar676 (CC BY NC SA)

Com um centro medieval intacto, o vilarejo é uma joia arquitetônica onde o tempo parece não ter passado. As vielas, as muralhas com suas torres e as construções pitorescas criam um ambiente romântico numa atmosfera encantadora sem igual. Parada obrigatória.


4. Feuchtwangen

por qfwfq78 (CC BY NC SA)

A antiga cidade imperial é palco de um dos mais tradicionais festivais de verão da Bavária num ambiente medieval encantador. Seu moderno cassino atrai muitos visitantes, bem como as populares rotas para ciclistas e andarilhos.


5. Dinkelsbühl

por Merche Perez (CC BY NC SA)

Uma cidade medieval muito bem preservada e rodeada por uma bela muralha, a vila situada numa antiga rota de comércio possui prédios de mais de 400 anos de arquitetura impecável.


6. Nördlingen

por Eva Mostraum (CC BY NC SA)

O belo vilarejo é rodeado pela única muralha totalmente intacta no país que pode ser percorrida sem interrupção. Além disso, é possível subir o Daniel, a torre do sino da igreja, e admirar uma vista deslumbrante. Todos os dias à tardinha, uma tradição se mantém: o guarda da torre grita a cada 30 minutos o brado “So, G’sell, so!” para assegurar que todas as sentinelas estão a postos, proporcionando uma experiência romântica e inesquecível.


7. Augsburg

por Zug55 (CC BY NC SA)

Com mais de dois mil anos de existência, conheceu o apogeu nos séculos 15 e 16 através das famílias Fugger e Welser em comércio internacional e negócios bancários. Seu centro histórico ainda evidencia este período ilustre nas fachadas barrocas e renascentistas dos palácios e casas mercantis. Destaque também para o “Fuggerei”, o mais antigo bairro projetado de moradias populares ainda em uso no mundo, cujo aluguel anual consiste em uma guilda (0,88 euro) desde 1521 e três rezas diárias para a família Fugger, dona da fundação que mantém as moradias há quase 500 anos.


8. Landsberg am Lech

por sonic.knight (CC BY SA)

A vila de quase um milênio tem uma pitoresca praça triangular circundada por esplêndidas casas burguesas, belas igrejas, estalagens charmosas e também disponibiliza uma plataforma na fortificação que proporciona uma vista exuberante da cidade e dos arredores. 


9. Füssen

por Xenica Bliss (CC BY NC)

Na ponta dos Alpes, a cidade fica aos pés do impressionante castelo Neuschwanstein, que inspirou o desenho Cinderela e é símbolo da Disney. O pitoresco centro histórico com seu labirinto de ruelas e as igrejas em estilo barroco e rococó compõem o romantismo do vilarejo, juntamente com os charmosos cafés e lojinhas de artesanato pitorescas.


 
© 2014. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff