Uma das mais famosas e belas estradas do mundo, a Highway 1 oferece cenários de tirar o fôlego. De San Francisco a Los Angeles são 730 km de paisagens exuberantes, com penhascos, vegetação intensa e um mar azul profundo, além de cidadezinhas charmosas e acolhedoras.

A viagem pode ser feita nos dois sentidos (e é linda de qualquer jeito!), mas a vantagem de se começar em San Francisco é que você estará do lado dos mirantes na estrada, o que irá facilitar as paradas.

O passeio é longo. É possível fazê-lo em apenas um dia, mas isto significa reduzir o número de paradas e passar por alguns belos trechos já no período da noite. Recomendamos fazer um roteiro de quatro dias, para poder desfrutar das belezas da região.


Bixby Bridge, Big Sur

Dia 1 

Trecho 1: De San Francisco a Monterey

O primeiro trecho, de San Francisco a Monterey, tem 190 km. Sem paradas, pode ser percorrido em 2h30, mas não é o caso. A primeira parada pode ser feita em Half Moon Bay, a 40 km de San Francisco. O local é destino de surfistas, famoso pelas grandes ondas. Outros pontos de interesse na estrada são o Pigeon Point Lighthouse e a cidade de Santa Cruz, mas as paradas vão depender do seu tempo disponível. 

Se você saiu cedo de San Francisco, deve chegar no início da tarde em Monterey. Aproveite para visitar o Monterey Bay Aquarium, principal atração da cidade e um dos maiores aquários de água salgada do mundo. Atente-se para o horário de fechamento, normalmente pelas 17h.

Monterey Bay Aquarium

Monterey era uma antiga vila de pescadores e sua economia era baseada principalmente nas fábricas de sardinha instaladas na cidade. O que restou da história é a Cannery Row, rua onde ficavam as antigas fábricas e que hoje abriga diversas lojas e restaurantes. Passe a noite na cidade e acorde bem cedo para continuar o passeio.

* Se você tiver tempo disponível, fique mais um dia em Monterey e faça o passeio de barco para observar as baleias. O passeio acontece o ano todo e tem uma duração mínima de 3 horas. Mais informações no site www.montereybaywhalewatch.com.


Dia 2

Trecho 2: De Monterey a Carmel

Carmel-by-the-sea, ou simplesmente Carmel, está localizada a apenas 7 km de distância de Monterey, pela Highway 1. Mas o interessante é percorrer a 17-Mile-Drive, em um trecho de aproximadamente 25 km. A estrada cênica tem uma taxa de acesso de US$10. Lá você irá passar por lindas mansões e campos de golfe. São diversas paradas em um trecho espetacular. As principais são o Lone Cypress, Cypress Point Lookout e Seal Rock/Bird Rock, onde é possível observar pássaros, focas e golfinhos. 

17-Mile-Drive


Bird Rock, 17-Mile-Drive

Em Carmel, passeie a pé pelo centro. A cidade é muito charmosa, repleta de boutiques e galerias de arte. Mas cuide para não se perder no horário, pois ainda há muita estrada pela frente. E o trecho a seguir é, com certeza, o ponto alto do passeio.


Trecho 3: De Carmel a Solvang (Big Sur!)

O trecho de Carmel a Solvang tem 320 km. A parte mais bonita da estrada são os primeiros 145 km, de Carmel a San Simeon, na região chamada de Big Sur


Rocky Creek Bridge, Big Sur

O local é repleto de penhascos e mirantes para ver o lindo cenário. As paradas são chamadas de "Vista Point", onde é possível estacionar o carro e apreciar a paisagem. 


Big Sur

Além dos mirantes, você pode desviar da estrada para contemplar belas vistas na Pfeiffer Beach, pequena praia com lindas formações rochosas, e na McWay Falls, cachoeira que despeja suas águas no mar e fica dentro do Julia Pfeiffer Burns State Park. Para chegar à cachoeira é preciso estacionar o carro e fazer uma pequena caminhada. Está tudo muito bem sinalizado por placas. 


McWay Falls, Big Sur

Já próximo a San Simeon encontra-se o Elephant Seal Vista Point, uma praia repleta de elefantes marinhos, parada indispensável.  


Elephant Seal Vista Point, Big Sur

A partir deste momento não se preocupe se já estiver escuro, pois a parte mais linda da estrada já passou.

Siga até Solvang, uma cidadezinha encantadora de colonização dinamarquesa, repleta de lojas e restaurantes que ainda preservam sua história.  

* Na estrada, em San Simeon, você avistará o Hearst Castle, antigo castelo de um magnata americano onde é possível fazer um tour por suas dependências. Se considerar importante fazer o tour, você deverá dormir em San Simeon e fazer o tour no dia seguinte. Você também passará pela cidade de San Luis Obispo, onde encontra-se uma antiga Missão Católica. A região é repleta de vinícolas, então se você é amante do vinho, recomendamos passar mais tempo por aqui.


Dia 3

Trecho 4: De Solvang a Santa Barbara


Solvang

Pela manhã, passeie pelo centro de Solvang e admire sua arquitetura. Depois, retome a Highway 1 e siga até Santa Barbara. São 75 km de estrada. Passe o resto do dia (e da noite) em Santa Barbara e encante-se com sua graciosidade. A cidade é um balneário super descolado, com uma agitada vida noturna e arquitetura de influência espanhola.


Dia 4 

Trecho 5: De Santa Barbara a Los Angeles

Aproveite a manhã para explorar mais Santa Barbara e, se der, passe um tempo na praia. Depois siga até Los Angeles. Nos caminho você tem duas opções: (1) seguir pela Highway 1 e passar por Malibu, onde você poderá apreciar a bela praia cheia de mansões de ricos e famosos, ou (2) seguir pela U.S. Highway 101 até o Camarillo Premium Outlets, para fazer compras em um dos melhores outlets da Califórnia.



Copenhagen e Aarhus são as duas maiores cidades da Dinamarca e também as mais visitadas por turistas. Mas o país tem muitas outras belezas. É repleto de vilarejos históricos e cada um deles tem um charme especial e uma atmosfera única. Listamos 9 cidades charmosas e encantadoras (além de Copenhagen e Aarhus) para você visitar na Dinamarca:


1. Odense


Odense é a terceira maior cidade da Dinamarca e ainda possui um núcleo medieval bem preservado. Suas ruas de pedras e construções enxaimel dão um charme especial à cidade.


2. Ribe


Ribe é a cidade mais antiga da Dinamarca e foi um importante ponto de comércio durante a era Viking. Seu centro histórico bem preservado impressiona e proporciona a seus visitantes uma viagem no tempo.


3. Ærøskøbing


Esta pequena aldeia do século XIII é frequentemente chamada de "cidade de conto-de-fadas da Dinamarca". É, com certeza, um dos cenários mais charmosos do país.


4. Aalborg


Aalborg é uma cidade grande para os padrões dinamarqueses, com mais de 130 mil habitantes. A cidade é um hub cultural do país, com excelentes museus e teatros.


5. Skagen


Skagen é a cidade mais ao norte do país, localizada em um lindo litoral. A cidade vive do turismo e da pesca. Suas casas amarelas, o porto e belas praias formam um cenário deslumbrante.


6. Esbjerg


Localizada na região de Jylland, Esbjerg é uma movimentada cidade portuária com diversas opções de entretenimento, comércio e museus. 


7. Ebeltoft


Ebeltoft é um pitoresco vilarejo dinamarquês localizado na região de Jylland. A cidade é repleta de casas inclinadas, ruas tortuosas e lojas de artesanato local.


8. Dragør


Localizada a apenas 12km de Copenhagen, a cidade permanece com a mesma aparência de dois séculos atrás. Há um lindo porto com excelentes opções de gastronomia.


9. Svaneke


Localizada na ilha Bornholm, no Mar Báltico, Svaneke é uma antiga e encantadora vila de pescadores com construções enxaimel e ruas sinuosas.

 
© 2014. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff