Segredos de Nova York: 10 lugares desconhecidos que valem a visita

 
Nova York oferece muitas experiências aos seus visitantes e há muito o que ver na cidade. Muito mais do que você imagina. A cidade que nunca dorme guarda segredos em todas as esquinas e descobri-los é uma aventura! Listamos 10 lugares desconhecidos em Nova York que valem a visita:


1. Parte do Muro de Berlim
       520 Madison Avenue

por mementosis (CC BY NC ND)

Em meio a prédios de escritórios no centro de Manhattan é possível encontrar 5 seções do antigo Muro de Berlim. O lado ocidental é decorado com pinturas dos artistas alemães Thierry Noir e Kiddy Citny e o lado oriental permanece em branco, como lembrança à opressão do regime político da antiga Alemanha Oriental.


2. Historic Richmond Town
       Staten Island

por lulun & kame (CC BY NC SA)

Vila histórica localizada próximo ao centro de Staten Island, a Historic Richmond Town proporciona uma viagem no tempo e compreende mais de 30 construções preservadas que datam do final 17 ao início do século 20. A visita custa US$8 e inclui um museu de folclore e costumes. 


3. MoMath

       11 E 26th Street

por adafruit (CC BY NC SA)

O MoMath é um museu dedicado à matemática inaugurado em 2012. O museu oferece uma divertida experiência e procura mostrar a seus visitantes a relevância da matemática no cotidiano da sociedade. O ingresso para adultos custa US$15.


4. Angel Orensanz Foundation
       172 Norfolk Street

por Patricia.fidi (CC BY)

A fundação está localizada em uma antiga sinagoga construída no Lower East Side em 1849 e tem o nome de um escultor judeu espanhol que, para preservar a construção e evitar a sua demolição, transformou-a em uma galeria. A sinagoga já foi a maior do país, com 1.500 assentos, mas foi abandonada após o Segunda Guerra Mundial. Atualmente a fundação acolhe regularmente exposições de arte e eventos.


5. Cleopatra's Needle
       Central Park

por darthmauldds (CC BY NC SA)

Durante o século 19, três obeliscos do Egito Antigo, todos popularmente conhecidos como "Cleopatra's Needle" (agulha de Cleópatra), foram reerguidos. Um foi para Paris, outro para Londres e um terceiro foi para Nova York, como presente do Egito aos Estados Unidos. Feito em granito, o obelisco está localizado no Central Park em frente ao Metropolitan Museum of Art.


6. Pomander Walk
       Entre 94th e 95th Street

por Niklem (CC BY SA)

Destoando da arquitetura da região, Pomander Walk é um complexo residencial localizado no Upper West Side e lembra uma antiga vila inglesa. A vizinhança foi construída baseada em um bairro londrino cenográfico de uma peça de 1910, de mesmo nome. Infelizmente o local não é aberto ao público, mas é possível espiar através de seus portões nas ruas 94th e 95th.


7. Whispering Gallery
       Grand Central Station

por B* Cakes (CC BY NC)

Em frente ao Oyster Bar está a "Galeria do Sussurro" da Grand Central Station. Coloque sua orelha nos azulejos na interseção das passarelas e você vai descobrir um segredo: mesmo o mais silencioso sussurro pode ser ouvido e nem o barulho da multidão atrapalha. Esta singularidade acústica é causada pelos arcos extraordinariamente perfeitos que compõem a galeria.


8. Union Square Metronome
       60 E 14th Street

por Jack Crossen (CC BY NC SA)

O Metronome é uma obra de arte na fachada de um prédio na Union Square. O conjunto de 15 dígitos grandes de LED é conhecido como o relógio mais confuso do mundo. Os sete dígitos mais à esquerda mostram a hora no formato convencional de 24 horas, como horas (2 dígitos), minutos (2 dígitos), segundos (2 dígitos), décimos de segundo (1 dígito). Os sete dígitos mais à direita mostram a quantidade de tempo restante em um dia de 24 horas, com décimos de segundo (1 dígito), segundos (2 dígitos), minutos (2 dígitos), hora (2 dígitos). O dígito do centro representa centésimos de segundo, e aparece como um borrão. Por exemplo, se o relógio mostra "195641188180304", isso significa que o horário é 19:56 ( 07:56 ) e 41,1 segundos e que há 04 horas, 03 minutos e 18,8 segundos restantes no dia. 


9. Sidewalk Subway Map
       110 Greene Street


Em uma calçada do SoHo, uma obra de arte despretensiosa passa despercebida entre os visitantes que costumam olhar para cima e observar os edifícios. Feita em 1985, o desenho na calçada tem o formato da rede de metrô da cidade. Os pontos de luzes de LED iluminam o local à noite.


10. Cofre de Ouro do Federal Reserve Bank of New York
       33 Liberty Street


O Federal Reserve Bank de Nova York oferece visitas guiadas gratuitas para quem quer aprender sobre o sistema financeiro americano. Durante a visita, e depois de passar por um rigoroso processo de segurança, o visitante poderá ver o cofre com o maior estoque de ouro do mundo. São cerca de 7 mil toneladas de ouro, equivalente a US$400 bilhões. É necessário reservar a visita com pelo menos 5 dias úteis de antecedência.


Veja também: Guia de Nova York

 
© 2014. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff